2010-01-03

Cheias da passada semana . . . . .

Saudações alentejanas !!!


" Em 1913 foi posta a concurso a construção de uma ponte de quatro vãos sobre a ribeira da Perna Seca ...... "



Pois é ...... em 1913 a ponte tinha quatro vãos para a água passar, ....... agora tem um !!!!
Estão à espera de quê ?


Sem falar nas construções existentes mesmo no leito de cheia, como se pode ver do lado direito, a construção está no alinhamento do quarto arco . . . . . não há campo para construir noutro sitio !


Estas chuvas agora, não foram nada de especial, quero lembrar que em 1997, ai sim foi atingido, no ponto critico, a "chuva de 100 anos", ai a água subiu muito mais .....



Será que a ribeira não está a pedir, pelo menos, o que ela fez agora num troço do seu "colete de forças" ?

Só o dobro do espaço ?!

.

Cada vez vai ser pior ...... com as alterações climaticas .......

Haja saúde !!!



4 comentários:

Jose Santos disse...

Por acaso vi ouvi nas notícias sobre as tempestades em Serra da Adiça e lembrei-me de ti!

É preciso que as autarquias aprendam com estas tempestades já que não sabem prevenir!!!

Abraço!

Anónimo disse...

Tanto quanto me lembro, o problema das cheias no Sobral existe desde sempre.
Já em pequena ouvia os meus avós, cuja casa ficava a uns 50 metros da ribeira, falarem disso como se fosse uma fatalidade à qual não se podia fugir.
Com maior ou menor frequência e intensidade, ele sempre existiu.
No entanto, nesses tempos não existiam os meios técnicos que hoje possuímos, nem as expectativas das populações na resolução dos seus problemas eram tão fortes, nem a comunicação social era a que agora temos e que se dá ao luxo de abrir o jornal nacional de maior audiência com a situação do Sobral (TVI, 20H00, 29-12-2009), ouvindo os desabafos das pessoas que, desesperadas, vêem os seus haveres mais uma vez destruídos.
- Claro que ninguém de boa fé imputará culpas à actual equipa que governa nos destinos do concelho pelo facto do Sobral ter nascido no sítio em que nasceu e das pessoas terem construído as suas casas à beira da ribeira.
- Claro que ninguém de boa fé terá legitimidade para pedir à actual equipa que assuma o problema por inteiro.
- Claro que ninguém ainda de mais boa fé poderá ignorar a pequena dimensão e a importância relativa do Sobral da Adiça nos contextos nacional, distrital ou mesmo concelhio.
Mas, parece-me que já chega de fatalidades!?
Bom ano novo a todos.
MEG

Anónimo disse...

Já agora não tem nenhuma foto da ponte em 1913 que possa publicar.

Ivo Rodrigues disse...

saudações alentejanas !!!

Pois, infelizmente não tenho nenhuma fotografia, mas durante o Natal falei com pessoas que se lembra de haver ali uma zona de "ninguem" na ribeira.

Haja saúde !!!